sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Ex-diretor da Petrobras diz que pagou R$ 20 milhões a caixa 2 de Eduardo Campos


c0b08d1a64fcdf92a0227867f9486b72

do Estadão Conteúdo

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa afirmou em depoimento da delação premiada dos autos da Operação Lava Jato que intermediou em 2010 o pagamento de R$ 20 milhões para o caixa 2 de campanha de Eduardo Campos (PSB), então candidato à reeleição ao governo de Pernambuco – Campos foi reconduzido ao cargo com 80% dos votos. Segundo Paulo Roberto Costa, o operador da transação foi o ex-ministro Fernando Bezerra, da Integração Nacional do governo Dilma Rousseff, eleito senador pelo PSB de Pernambuco e ex-braço direito de Campos.

Em 13 de agosto, candidato à Presidência, Eduardo Campos morreu tragicamente num acidente aéreo.
Costa disse ao Ministério Público Federal – em um dos vários depoimentos prestados entre agosto e setembro – que Bezerra pediu a ele o dinheiro para ser usada na campanha à reeleição do então governador pernambucano. O ex-diretor da Petrobras, que aceitou colaborar com a Justiça em troca da redução de pena, também apontou o envolvimento de pelo menos 32 deputados e senadores e o PT, o PSDB, o PMDB e o PP com os esquemas de propina nas obras da refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.

Ele disse que os R$ 20 milhões foram entregues a Bezerra pelo doleiro Alberto Youssef. Também alvo da Lava Jato, o doleiro está fazendo delação premiada e citou 28 parlamentares. Youssef está preso em Curitiba, desde 17 de março.

Na época, o ex-ministro Bezerra era secretário de Desenvolvimento do governo do Estado e presidente do Porto de Suape (entre 2007 e 2010), onde foi construída a refinaria. Era ele quem tratava institucionalmente com os responsáveis pela obra de Abreu e Lima.

Iniciada em 2008, a obra ainda não foi concluída, mas já está com superfaturamento, segundo relatórios do Tribunal de Contas da União (TCU) e da Procuradoria da República.

Costa era quem presidia o conselho de administração da Refinaria Abreu e Lima S/A, empresa constituída pela Petrobras para tocar as obras avaliadas inicialmente em R$ 2,5 bilhões e que já consumiu mais de R$ 20 bilhões, segundo o Ministério Público Federal.

Bezerra foi secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco até 2011. Depois foi indicado por Campos para ocupar o cargo de ministro da Integração Nacional.

Como presidente de Suape e secretário de Estado, era ele quem negociava diretamente com a Petrobras e a empresa criada para tocar a obra, que tinha Paulo Roberto Costa como presidente do Conselho de Administração. 

À Justiça Federal, na ação penal sobre superfaturamento, desvios de recursos na obra, Costa e Youssef revelaram que o PT, o PMDB e o PP lotearam as diretorias da Petrobrás e montaram um esquema de propina paga por construtoras que abasteceu o caixa 2 dos partidos, principalmente para campanha de 2010.

A empresa é a mesma apontada por Costa por ter pago o achaque de R$ 10 milhões que teria sido feito entre 2009 e 2010 pelo então presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra, para abafar a CPI da Petrobrás.

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

PESQUISAS DATAFOLHA E IBOPE

Ibope: Dilma (PT) abre vantagem e tem 54%; Aécio (PSDB), 46%

 ibope

Do G1

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (23) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República:
– Dilma Rousseff (PT): 54%
– Aécio Neves (PSDB): 46%

Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo”.
No levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 15, Aécio tinha 51% e Dilma, 49%.

Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Dilma Rousseff (PT): 49%
– Aécio Neves (PSDB): 41%
– Branco/nulo: 7%
– Não sabe/não respondeu: 3%

O Ibope ouviu 3.010 eleitores em 203 municípios entre os dias 20 e 22 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01168/2014.

Rejeição
O Ibope perguntou, independentemente da intenção de voto, em qual candidato o eleitor não votaria de jeito nenhum. Veja os números:
Aécio – 42%
Dilma – 36%

Expectativa de vitória
O Ibope também perguntou aos entrevistados quem eles acham que será o próximo presidente da República, independentemente da intenção de voto. Para 51%, Dilma sairá vitoriosa; 38% acreditam que Aécio ganhará; 10% não sabem ou não responderam.

1º turno
No primeiro turno, Dilma teve 41,59% dos votos válidos e Aécio, 33,55% (veja os números completos da apuração no país).

 

PESQUISAS DATAFOLHA E IBOPE


Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (23) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República:
– Dilma Rousseff (PT): 53%
– Aécio Neves (PSDB): 47%


datafolha

Dilma tem 53%, e Aécio, 47% dos votos válidos, diz pesquisa Datafolha

Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “Folha de S.Paulo”.

De acordo com o Datafolha, a presidente Dilma Rousseff (PT) tem uma vantagem inédita sobre Aécio Neves (PSDB) no segundo turno da eleição presidencial.

No levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 22, Dilma tinha 52%, e Aécio, 48% dos votos válidos.

Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Dilma Rousseff (PT): 48%
– Aécio Neves (PSDB): 42%
– Em branco/nulo/nenhum: 5%
– Não sabe: 5%

O Datafolha ouviu 9.910 eleitores em 399 municípios nos dia 22 e 23 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01162/2014.

Certeza do voto
O Datafolha também perguntou, entre os dois candidatos, em quem os eleitores votariam com certeza, em quem talvez votassem e em qual não votariam de jeito nenhum. Veja os números:

Dilma
46% – votariam com certeza
15% – talvez votassem
37% – não votariam de jeito nenhum
1% – não sabe

Aécio
39% – votariam com certeza
18% – talvez votassem
41% – não votariam de jeito nenhum
2% – não sabem


1º turno
No primeiro turno, Dilma teve 41,59% dos votos válidos e Aécio, 33,55% (veja os números completos da apuração no país).

 

TCE mantêm rejeitadas contas de 2009 da Câmara de Afogados da Ingazeira


cats1 


O Pleno do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE) julgou nesta quarta-feira (22) e manteve a decisão de irregularidade nas contas de 2009 da Câmara de Vereadores de Afogados da Ingazeira. A informação é do Afogados On Line.

Trata-se da Prestação de Contas relativa ao exercício financeiro de 2009, do Presidente e Ordenador de Despesas da Câmara Municipal de Afogados da Ingazeira, à época, o vereador Renon de Ninô.

Também foram citados pelo TCE os vereadores Renaldo Lima, Vicentinho, Cícero Miguel, Franklin Nazário, Pedro Raimundo, Zé Negão, o ex-vereador Erickson Torres e a ex-vereadora Joana Darc.

Exclusivo: Em Serra Talhada, caminhão é flagrado entregando cestas básicas em Sindicato Rural

por Bruna Verlene

Em Serra Talhada, faltando três dias para o segundo turno, foi flagrado na noite desta quarta (23) um caminhão de placa KGR 0384, descarregando cestas básica no Sindicato dos Trabalhadores Rurais, na Rua Padre Ferraz.

altAicMmqdYYZP2MnMgeSv2ILwLmRFL-PuSspC-ndRHONwq

Segundo informações que chegaram ao blog, o PSB entrará hoje com uma denúncia ao Ministério Público, para esclarecer a finalidade da entrega. A suspeita do partido é de que as cestas teriam destinação eleitoreira. Querem chegar se há ou não crime eleitoral.

kj

O fotografo ainda revelou ao blog que após fazer as fotos do flagrante, ainda foi perseguido por uma D20 que está registrada na foto. Oficialmente, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais ainda não se manifestou.

Os Sindicatos, inclusive a Fetape oficializaram apoio à candidatura de Dilma Roussef. Socialistas estão apoiando a candidatura de Aécio Neves.
(nilljunior)

domingo, 19 de outubro de 2014

CHARGE

MP mineiro aponta sumiço de R$ 1 bilhão da Saúde do governo Aécio

O Ministério Público denunciou ontem o desaparecimento de R$ 1,017 bilhão do estado de Minas Gerais ocorrido durante o ano de 2009 quando o governador era Aécio Neves — atual candidato à presidência da República pelo PSDB. O valor deveria ter sido empregado pela Secretaria de Saúde, em acordo com o mínimo constitucional estabelecido de 12%, mas, segundo o governo mineiro, parte da verba foi repassada à Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa). A empresa, no entanto, nunca rebeceu o valor.

Na ação proposta, o MP mineiro cita relatório do Tribunal de Contas estadual que no ano de 2009 observou que o total empregado na Saúde foi de R$ 3,36 bilhões, dos quais R$ 1,017 bilhão “foram consignados a título de investimento nas empresas controladas pelo estado, para serem executados pela Copasa, por meio de investimentos em saneamento básico”.

A manobra é considerada ilegal pela promotoria, mas a denúncia ressalta o fato de que uma auditoria externa realizada pela Ernst & Young — Auditores Independentes S/S verificou que o valor não consta das transferências nas contas da Copasa.

documento

Conforme se observa do parecer apresentado pelos auditores, relativo ao balanço patrimonial de exercício de 2009, não foram encontradas transferências de recursos do Estado de Minas Gerais para a Copasa, a título de investimentos em saúde pública na forma de ações em saneamento básico”, informa o documento.

O MP também observa que a auditoria encontrou apenas uma transferência do estado mineiro para a empresa de saneamento no ano de 2009 sob o valor de R$ 1 mil. “Mesmo assim sob a rubrica de ‘outras’ no campo que deveria especificar o detalhamento do investimento. Dessa forma, ainda mais evidente a impossibilidade de consideração dessa Companhia no cômputo de investimentos”, diz o texto.

Na ação, a promotoria pede que o estado explique o que ocorreu e devolva o valor ao Fundo Estadual de Saúde. Segundo o MP, a manobra de verba fez com que o mínimo constitucional não fosse cumprido no ano de 2009. Para atingir o valor, o governo listou o emprego de programas que não configuram como ações de promoção de saúde e, ao retirar esses ítens, o total destinado foi apenas de 7,48%.

“O governo estadual registra em seus balanços o índice de 15,44% para aplicações em ASPS, nota-se expressiva redução em tal percentual quando da retirada das parcelas relativas às ações que, não apresentando os atributos de gratuidade e universalidade , não são aptas a figurarem como aplicações em saúde”, afirma o documento.

A análise técnica do TCE sugere ainda que o estado diminua as verbas à Copasa já que o total de repasses públicos “quase triplicou entre 2004 e 2009”.

Desde 2003 mais R$ 3,4 bi sumiram.

Ministério Público já propôs duas outras ações em 2010 sobre repasses da Secretaria de Saúde que supostamente foram empregados na Companhia de Saneamento de MG. O valor desaparecido, no entanto, é de R$3,4 bilhões e refere-se a repasses do período de 2003 a 2008 — período que compreende aos dois mandatos de Aécio Neves. Tramita na 5ª Vara de Fazenda do TJ-MG uma ação para recuperar o valor e realocá-lo na conta do Fundo Estadual de Saúde. O processo está em fase de perícia das contas do estado.
(naynneto)



Paraíba tem mais de 300 vagas abertas em concursos e seleções




Mais de 300 vagas estão sendo oferecidas em concursos públicos na Paraíba. Só para o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFPB) são 91 vagas disponíveis, sendo 62 para o cargo de tutor à distância do Curso Técnico em Segurança no Trabalho e  outras 19 para professores bolsistas do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O concurso com a maior oferta de vagas no período é o da Prefeitura Municipal de Pocinhos, no Agreste do Estado, que oferece 241 vagas para todos os níveis de escolaridade. Já o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-PB) está oferecendo mais 15 vagas para nível médio e superior. Ao todo são 337 vagas oferecidas pelos quatro concursos.

Além deles, ainda estão abertas as inscrições para o Curso de Formação de Oficiais da Polícia Militar da Paraíba e para o concurso da Petrobras, que oferece postos de trabalho no estado. Confira abaixo a lista completa de vagas e de concursos com inscrições abertas na Paraíba.
(G1Paraiba)

Celg-D prorroga inscrições para concurso com 300 vagas em Goiás



A Companhia Energética de Goiás Distribuição (Celg-D) prorrogou o prazo para as inscrições para o concurso público do órgão. A nova data é até a próxima terça-feira (21). São 300 vagas em cargos dos níveis médio, técnico e superior. Os salários variam entre R$ 1.881 e R$ 3.630.

O edital pode ser acessado no site do Centro de Seleção da Universidade Federal de Goiás (UFG).

As inscrições podem ser fetias exclusivamente pela internet, também no site da unidade. As taxas variam de R$ 70 a R$ 130.

Os cargos oferecidos são para assistente de gestão, analista de gestão, analista de saúde, analista técnico, assistente de operações (operador de instalações), assistente técnico e assistente de operações (eletricista). No total, 5% das vagas serão destinadas aos portadores de deficiência.

As provas para os níveis médio e técnico serão realizadas no dia 16 de novembro. Já para o nível superior estão previstas para o dia 30 de novembro. Todas serão aplicadas em Goiânia.

12 órgãos abrem inscrições para 1.809 vagas no início da semana

Pelo menos 12 órgãos abrem inscrições na segunda (20), terça (21) e quarta-feira (22) para 1.809 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade.

Os salários chegam a R$ 14.930,06 na Controladoria-Geral do Piauí. Somente no governo do Tocantins são 1.217 vagas.
 
Dia 20
Câmara Municipal de Caroebe (RR)
A Câmara Municipal de Caroebe (RR) divulgou edital de concurso para 8 vagas de níveis fundametnal e médio. Os salários vão de R$ 767 a R$ 800. Os candidatos podem se inscrever pelo site www.ajuri.org.br entre 20 de outubro a 7 de novembro. A aplicação da prova está prevista para o dia 14 de dezembro (veja 
o edital no site da organizadora).
 
Câmara Municipal de Cruzeiro (SP)
A Câmara Municipal de Cruzeiro (SP) fará concurso para 7 vagas em cargos de níveis médio e superior. Os salários variam de R$ 1.533,17 a R$ 2.512,85. As inscrições podem ser feitas pelo site www.mouramelo.com.br entre 20 de outubro e 7 de novembro. Todos os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas. O concurso terá validade de 2 anos e poderá ser prorrogado (veja o edital no site da organizadora).
 
Controladoria-Geral do Piauí
A Controladoria-Geral do Piauí lançou edital para o de provimento de 10 vagas, e formação de cadastro de reserva, para o cargo de auditor governamental com salário de R$ 14.930,06. As inscrições devem ser feitas pelo site www.cespe.unb.br/concursos/cge_pi_14_auditor no período de 20 de outubro a 18 de novembro. As provas objetiva e discursiva serão aplicadas em 18 de janeiro de 2015 (veja a matéria completa).
 
Prefeitura de Bom Despacho (MG)
A Prefeitura de Bom Despacho (MG) fará concurso para 17 vagas em cargos de níveis médio e superior. Os salários variam de R$ 950 a R$ 1.059,92. As inscrições estarão abertas de 20 de outubro a 20 de novembro pelo site www.seapconcursos.com.br. A seleção será feita por meio de provas objetiva, discursiva, avaliação de títulos e exames médicos, de acordo com o cargo (veja o edital no site da 
organizadora).
 
Prefeitura de Coronel Pilar (RS)
A Prefeitura de Coronel Pilar (RS) divulgou edital de concurso para 6 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 762,78 a R$ 4.805,51. As inscrições podem ser feitas pelo site www.unars.com.br no período de 20 de outubro a 3 de novembro. A prova está prevista para o dia 6 de dezembro (veja o edital no site da organizadora).
 
Prefeitura de Jaciara (MT)
A Prefeitura de Jaciara (MT) fará concurso para 28 vagas em cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários variam de R$ 809,51 a R$ 4.034,06. Os candidatos podem se inscrever de 20 de outubro a 9 de novembro pelo site www.sydcon.com.br. O concurso terá validade de 2 anos e poderá ser prorrogado por igual período (veja o edital no site da organizadora).
 
Prefeitura de Perobal (PR)
A Prefeitura de Perobal (PR) vai abrir concurso para 28 vagas em cargos de níveis fundamental, médio/técnico e superior. As remunerações vão de R$ 824,70 a R$ 10.829,35. Os candidatos podem se inscrever no período de 20 de outubro a 28 de novembro pelo site www.ruffoconcursos.com.br. A seleção será feita por meio de prova objetiva e de títulos, de acordo com o cargo (veja o edital no site da 
organizadora).
 
Prefeitura do Recife
A Prefeitura do Recife fará processo seletivo para 80 vagas para médicos. O salário não foi informado. Os interessados podem se inscrever de 20 de outubro a 3 de novembro na Secretaria Executiva de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde, localizada na Rua Alfredo de Medeiros, 71. Os candidatos serão avaliados por meio de análise curricular (veja o edital no site do Diário Oficial da Prefeitura).
 
Prefeitura de Rio Pomba (MG)
A Prefeitura de Rio Pomba (MG) divulgou edital de concurso público para 174 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 724 a R$ 3.300. As inscrições estarão abertas de 20 de outubro a 20 de novembro pwlo site www.idecan.org.br. As provas objetivas estão previstas para o dia 11 de janeiro de 2015 (veja o edital no site da organizadora).
 
Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí (MG)
A Prefeitura de Santa Rita do Sapucaí (MG) fará concurso para 182 vagas em cargos de níveis fundamental, médio e superior. As remunerações chegam a R$ 2.675. Os candidatos podem se inscrever de 20 de outubro a 3 de novembro pelo site www.consesp.com.br. O concurso terá validade de 2 anos e poderá ser prorrogado pelo mesmo período (veja o edital no site da organizadora).
 
Dia 21
Prefeitura de Rosário da Limeira (MG)

A Prefeitura de Rosário da Limeira (MG) fará concurso para 52 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. A remuneração varia de R$ 10,48 por hora/aula a R$ 7.097,38. As inscrições estarão abertas de 21 de outubro a 21 de novembro pelo site www.magnusconcursos.com.br. A seleção será feita por meio de provas objetiva, prática e de títulos, de acordo com o cargo (veja o edital no site da organizadora).
 
Dia 22
Governo do Tocantins

O governo do Tocantins divulgou o edital do concurso para o quadro da Secretaria de Defesa Social (Seds). São 1.217 vagas, sendo 1.131 para nível médio e técnico e 86 para nível superior. Os salários vão de R$ 2.326,82 a R$ 3.656,43. As inscrições podem ser feitas pelo site www.funcab.org no período de 22 de outubro a 23 de novembro. A prova será aplicada na data provável de 14 de dezembro.

TSE barra em 3 dias 4 propagandas de Aécio e 4 de Dilma

Após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mudar o entendimento sobre o horário eleitoral gratuito e proibir ataques entre os adversários na disputa ao Planalto, quatro propagandas ou trechos delas de Dilma Rousseff (PT) e quatro de Aécio Neves (PSDB) foram suspensos nos últimos três dias.

O levantamento do G1 foi feito com base em processos no TSE até as 20h30 deste domingo (19). 

De acordo com a assessoria do tribunal, outros dez pedidos envolvendo os dois candidatos ainda serão julgados.

A nova jurisprudência do tribunal diz que os horários eleitorais têm de ser “programáticos, propositivos, e que o debate pode ser ácido ou duro, mas relativo a questões de políticas públicas”. Isso fez com que as duas coligações passassem a travar uma guerra de liminares.

Propagandas de Dilma

Na sexta (17), já com base na nova resolução, o ministro Tarcísio Vieira de Carvalho Neto determinou, a pedido de Aécio, a suspensão da propaganda de Dilma na TV que afirmava que o tucano fez um “aeroporto em terreno da família” e que “a chave ficava na mãos do seu tio”, em referência ao aeroporto de Cláudio (MG). Para Aécio, a peça era “inverídica e caluniosa”.

No sábado (18), outra propaganda de Dilma, que tinha uma montagem com a música “Oh, Minas Gerais” e o trecho “quem conhece Aécio não vota jamais”, também foi suspensa pelo ministro Admar Gonzaga. Para Aécio, a intenção dela era apenas “desmoralizar os adversários, degradá-los e ridicularizá-los”.
 G1 notícias

Cartel da Lava Jato doou R$ 456 milhões a 6 partidos


As empresas acusadas de formar um cartel para lotear grandes licitações públicas no País, segundo investigação da Operação Lava Jato, doaram R$ 456 milhões a PT, PMDB, PSDB, PSB, DEM e PP nos últimos sete anos, sem fazer distinção entre situação e oposição. Parte do dinheiro foi repassada às legendas em valores fixos e mensais.

Segundo o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e o doleiro Alberto Youssef, parte desse dinheiro teve como origem esquemas de fraudes em contratos, lavagem de dinheiro e corrupção, e foi parar nas campanhas presidenciais de 2010 do PT e do PSDB. Levantamento feito pela reportagem mostra que o PT e o PSDB, juntos, receberam 55% do total repassado aos seis partidos via diretório nacional. Os R$ 456 milhões que irrigaram as contas dessas legendas de 2007 a 2013 - período que o Tribunal Superior Eleitoral publica para consulta na internet - representam 36% do total doado às seis legendas por pessoas jurídicas em geral, no período.

Esse tipo de doação é legal, mas tem uma fiscalização mais frouxa em relação à eleitoral, e sempre foi usada para tentar dissimular a origem do dinheiro que abastece campanhas.

Repasses mensais. O mapa do dinheiro feito pelo Estado mostra que as construtoras fizeram repasses mensais em valores fixos muitas vezes e pulverizados por partidos, tanto da situação como oposição. É o caso da Andrade Gutierrez, líder no total repassado: R$ 128 milhões aos seis partidos. Para o PT, em 2010, ela deu R$ 15 milhões, sendo que alguns mensais fixos, como três depósitos de R$ 700 mil cada entre fevereiro e abril. Para o PSDB, a Andrade Gutierrez fez 24 repasses, totalizando R$ 19 milhões. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Lava Jato: governadores podem não tomar posse

 Fontes ligadas às investigações da Operação Lava Jato afirmaram, sem citar nomes, que “alguns governadores” eleitos no último dia 5, em primeiro turno, podem não tomar posse em 1º de janeiro, em razão da gravidade do envolvimento deles no esquema de corrupção e lavagem de dinheiro chefiado pelo megadoleiro Alberto Youssef e o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, presos há sete meses.
Há políticos disputando o 2º turno, segundo fontes da investigação, que também podem ser alçadas pela Justiça, no escândalo da Lava Jato.
Tira o sono de muita gente a suspeita de que o ministro Teori Zavascki vai liberar, antes do 2º turno, a lista dos políticos enrolados na delação.
(magnomartins)

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

CHARGE

Charge JC

Inscrições para processo seletivo do IF-Sertão são prorrogadas

IF-SERTÃO-Campus_Ouricuri

Foram reabertas as inscrições para o processo seletivo dos cursos técnicos do Instituto Federal Sertão Pernambucano (IF-Sertão PE). Estudantes interessados podem realizar a inscrição pela internet até domingo (19). Ao todo são 1.395 vagas distribuídas entre os campi de Petrolina, Petrolina Zona Rural, Salgueiro, Ouricuri, Santa Maria da Boa Vista , Serra Talhada e Floresta. 

A reabertura das inscrições aconteceu por conta da greve dos bancários que coincidiu com os últimos dias de pagamento do boleto bancário.

A inscrição pode ser feita através do site da instituição ou presencialmente em cada campus. A taxa é R$ 10 e deve ser paga até o dia 20 de outubro.

São oferecidas 460 vagas para os cursos técnicos de Agropecuária, Edificações, Eletrotécnica, Informática e Química, na modalidade médio integrado destinado aos concluintes do 9º ano do Ensino Fundamental

Para o Subsequente que são para egressos do ensino médio, foram destinadas 750 vagas em Agricultura, Agroindústria, Agropecuária, Edificações, Eletrotécnica, Informática, Logística, Refrigeração e climatização e Zootecnia.

Já para os que concluíram ou está concluindo o ensino fundamental ou 4ª fase da Educação de Jovens e Adultos (EJA) estão disponíveis 185 vagas para os cursos de Agroindústria, Edificações, 

Eletrotécnica e Informática.
Os cursos do Médio Integrado e do Proeja possuem duração de quatro anos; subsequente são dois anos. As provas serão aplicadas no dia 16 de novembro, das 13h às 17h e o resultado final será divulgado em 22 de dezembro.
G1 Caruaru e Região

Cerca de 100 agricultoras se reúnem em Triunfo para planejar ações de conservação da Caatinga


66405_409175809201640_900245885_n

De Hoje (14) até quinta-feira (16) mulheres produtoras de 12 municípios do Sertão do Pajeú se encontram em Triunfo, Sertão de Pernambuco, para discutir sobre a conservação e preservação do bioma da Caatinga.  O seminário faz parte das ações do Projeto Mulheres na Caatinga, realizado pela ONG Casa da Mulher do Nordeste com patrocínio da Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental, em parceria com a UFRPE/UAST, o Núcleo de Estudos Pesquisas e Práticas Agroecológicas do Semiárido – NEPPAS, Rede de Mulheres Produtoras do Pajeú e o Projeto Dom Helder Câmara.

A programação conta com uma feira de trocas de produtos produzidos pelas mulheres, mesas de discussões, planejamento das ações do projeto e recital poético. Com destaque para o segundo dia (15), com a mesa sobre Conservação e Preservação do Bioma da Caatinga no território, com a presença de representantes da UFRPE/UAST, de organizações parcerias e agricultoras representantes dos municípios que participam do projeto.  “Este é o segundo seminário do Projeto e tem como objetivo monitorar e planejar as ações de forma articulada com agricultoras, assessoria técnica, universidade e parceiras. Será um importante momento de diálogo sobre os desafios das mulheres na convivência com o semiárido.”, disse Célia Souza, coordenadora do programa Mulher e Vida Rural, da Casa da Mulher do Nordeste.

Cerca de 18 mil mudas nativas já foram plantadas no Sertão pernambucano, resultado do trabalho de 210 mulheres que participam do projeto Mulheres na Caatinga, que prevê ainda a construção de fogões agroecológicos, assessoria técnica e social aos grupos produtivos, formações para a convivência com o semiárido, intercâmbios, e uma série de atividades com o intuito de preservar as raízes da região.
(nilljunior)