quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

PRIMEIRA MÃO : CREMEPE INTERDITA O SAMU PETROLINA

 
O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco - CREMEPE,  determinou a Interdição Ética do SAMU de Petrolina por conta da insuficiência de médicos reguladores e plantonistas, expondo pacientes a risco. A interdição foi fruto da fiscalização realizada em 29 e 30 de novembro de 2012, na sede do SAMU, por integrantes do Cremepe.

“Houve descumprimento do SAMU Petrolina no que dispõe a Resolução CFM Nº 1.671/03, que trata da regulamentação do atendimento pré-hospitalar. Faltam médicos plantonistas e médicos reguladores, indispensáveis ao funcionamento dos mesmos no atendimento da população", diz a decisão.

Além disso,as condições mínimas de trabalho e estrutura de serviço não estão asseguradas ao exercício ético da medicina. A reunião de Diretoria e da Sessão Plenária Extraordinária que definiu a interdição aconteceu neste dia 12 de dezembro. Quem assina a resolução é a Presidente da entidade, Helena Maria Carneiro Leão.
(nilljunior)

Nenhum comentário:

Postar um comentário