terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Programação Carnaval de Olinda 2016


Carnaval em Olinda – A folia vai além do frevo

Que Pernambuco é a terra do frevo, todo mundo sabe. O ritmo típico é o destaque cultural do Carnaval de Olinda, que é repleto de alegria e diversidade.

Mas a folia olindense é muito mais do que o frevo: nas suas ruas históricas se dança maracatu, coco, samba, afoxés, ou seja, muita festa que não deixa nenhum folião parado.

Todo ano o Sítio Histórico de Olinda se prepara para a folia. A cidade é decorada para homenagear algumas personalidades que ajudaram a manter a cultura e tradição do Carnaval e fica mais colorida com enfeites, bandeirolas e sobrinhas de frevo que se misturam com as fantasias dos milhares de foliões.

A multidão não tem hora para chegar, e por volta das 9hs, a cidade já está tomada pelos foliões. Os blocos carnavalescos também disponibilizam serviços como open bar e open food, com direito a camisa e concentração em algum ponto das ladeiras. A animação se arrasta até o anoitecer, sem hora pra acabar.

Além de toda animação dos blocos carnavalescos, o público também pode ter acesso aos camarotes do Carnaval de Olinda 2016. Como por exemplo, os camarotes Carvalheira na Ladeira, que terá este ano a banda carioca O Rappa, o DJ Alok, o baiano Saulo, entre muitos outros, e o camarote Mansão do Bonfim, com acesso a open bar de Skol e a presença de Lucas Lucco. Saiba mais sobre os camarotes de Olinda.

Camarote Mansão do Bonfim[ver +]
Mansão do Bonfim Olinda
Camarote Mansão do Bonfim em Olinda – Carnaval 2016. Imagem Divulgação / Evento Oficial Facebook

Camarote Carvalheira na Ladeira [ver +]

CamaroteCarnavalde Olinda Carvalheira
Camarote Carvalheira na Ladeira 2016. Imagem Divulgação. FanPage Padrão Carvalheira.

Espaço Empório no Bonfim 2016 [ver +]
Empório no Bomfim 2016. Imagem: Divulgação/Facebook Empório Buffet e Eventos.
Empório no Bomfim 2016. Imagem: Divulgação/Facebook Empório Buffet e Eventos.
Os 5 dias de Carnaval prometem diversas atrações por toda a cidade, que conta também com shows diversificados em polos além do Centro Histórico. No último Carnaval, Olinda recebeu mais de dois milhões de pessoas (entre moradores, turistas brasileiros e estrangeiros) que lotaram suas ruas e ladeiras, famosas pela alegria contagiante dos desfiles de blocos e troças. Resumindo: o carnaval olindense é barato, democrático e efervescente, por isso se prepare para muito calor e animação.

Programação do Carnaval de Olinda em 2016

A programação completa de todos os dias do Carnaval de Olinda ainda não foi definida pela prefeitura.

Prévias e Blocos

As diversas festas que rolam dentro do Carnaval de Olinda tornam a folia inesquecível. A animação olindense já começa algumas semanas antes nas prévias carnavalescas e se estende até a quarta-feira de cinzas, sempre deixando saudade. Só resta você, folião, aproveitar todas elas.

Desfile dos Bonecos Gigantes – A produção e o desfile dos Bonecos Gigantes são uma tradição olindense. Cada vez mais realistas, os bonecos retratam personalidades famosas durante um cortejo animado pelas ruas do Sítio Histórico.

Quando: prévia no último sábado antes da folia e na segunda e terça-feira de Carnaval, às 10h.

Onde: concentração no Largo do Guadalupe.

Noite para os Tambores Silenciosos – Cortejo de maracatus de Olinda que mostra nos batuques a cultura afro-brasileira, a fé e a tradição religiosa. O momento ápice da apresentação é quando todos fazem silêncio como reverência e respeito aos ancestrais.

Quando: na segunda-feira da semana pré-carnavalesca, às 20h.


Bloco das Virgens Abraça Brasil – A festa pré-carnavalesca mais irreverente de Olinda acontece na orla da cidade, com o desfile de trios elétricos com bandas famosas. O concurso de fantasia das virgens é bastante animado, em que os homens também se vestem de mulher. (Atenção em 2016, este evento não irá ocorrer)

Quando: último domingo antes do Carnaval, às 9h.

Onde: concentração na Avenida Ministro Marcos Freire, nas imediações do Hotel Samburá.

Bloco da Pitombeira dos 4 cantos – Uma das troças carnavalescas mais tradicionais de Olinda, o bloco da Pitombeira tem um diferencial: desfila com uma grande orquestra e dançarinos que animam o cortejo com músicas criadas pelo próprio bloco e com muito frevo.

Quando: segunda-feira de Carnaval, a partir das 10h.

Onde: concentração na Praça 12 de Março.

Bloco do Homem da meia-noite – O Homem da Meia Noite é Patrimônio Vivo de Pernambuco desde 2006. O boneco místico e misterioso é símbolo do Carnaval de Olinda e abre oficialmente a folia com seu desfile pela Cidade Alta, com direito a papel picado, fogos e música. Todos aguardam ansiosos pela aparição do calunga gigante.

Quando: sempre à meia-noite do sábado de Zé Pereira para o domingo de Carnaval.

Onde: concentração na sede da agremiação, que fica na Estrada do Bonsucesso.

Bloco Eu acho é pouco – Para homenagear um dragão chinês, símbolo e mascote do bloco, todos os foliões vestem-se de vermelho e amarelo. Com mais de 30 anos de existência, Eu acho é pouco contagia a multidão com sua festa ao passar pelas ruas de Olinda. A festa da prévia do bloco acontece no Baile Vermelho e Amarelo em janeiro e os ingressos são disputados. Confira aqui mais informações do Eu acho é Pouco.

Quando: no sábado de Zé Pereira e na terça-feira gorda, às 16h.

Onde: concentração na Praça dos Milagres, no Varadouro.

Bloco do Enquanto isso na sala da justiça – Famoso por reunir todos os super-heróis, o bloco é composto por crianças e adultos fantasiados que mostram seus superpoderes e divertem-se. O desfile das mais diversas fantasias já faz parte da tradição do Carnaval olindense. Para quem gosta, existe a grande festa Enquanto isso na sala da justiça, que acontece antes do Carnaval e conta com shows de atrações nacionais e muitas brincadeiras.  

Quando: domingo de Carnaval, ao meio-dia.

Onde: concentração no Alto da Sé.

Bloco Bacalhau do Batata – O Bacalhau do Batata representa a despedida da folia. Seu autêntico estandarte é um bacalhau montado com outros ingredientes culinários, inventado pelo próprio criador do bloco. Batata era um garçom que não podia curtir a folia por causa do emprego, por isso o desfile acontece no último dia da folia, juntando cada vez mais foliões.

Quando: quarta-feira de cinzas, a partir das 10h.

Onde: concentração no Alto da Sé.
A Programação do Carnaval de Olinda reuniu no ano passado mais de 500 atrações e 110 shows. O público, segundo a prefeitura da cidade, chegou à aproximadamente 1 milhão de pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário